O TCE comunica que as sessões de julgamento terão início no dia 21 de janeiro. A partir deste ano, a 1ª Câmara será realizada às terças-feiras e a 2ª, às quintas-feiras, já o Pleno permanece nas quartas-feiras. Todas as sessões acontecerão às 10h no auditório do 1º andar do edf. Nilo Coelho.

Uma análise prévia de edital realizada pelo Tribunal de Contas num processo licitatório da Prefeitura de Olinda, cujo objeto é a contratação de uma empresa de engenharia ambiental para execução de serviços de coleta de lixo, resultou numa economia para os cofres públicos no valor de R$ 14.298.126,57.

O preço estimado pelo edital era de R$ 149.235.706,68 e após a intervenção do corpo instrutivo do TCE caiu para R$ 134.937.579,11. O relator das contas do município é o conselheiro Ranilson Ramos.De acordo ainda com o Edital de Concorrência Pública nº 009/2018, a empresa a ser contratada executará também podação de árvores e lavagem de vias públicas. O Edital foi submetido ao TCE pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos.

Auditoria do TCE gera benefícios de 14.298.126,57 (E-AUD Nº: 9037 - GAON).

Gerência de Jornalismo (GEJO), 12/07/2018