Suporte técnico a sistemas - segunda a sexta - 0800 281 7717 ou atendimento@tce.pe.gov.brdas 8h às 17h.

Ouvidoria - 0800 081 1027- segunda a sexta, das 7h às 13h ou ouvidoria@tce.pe.gov.br

 

O expediente do TCE-PE, incluído o atendimento no protocolo, nos dias de jogo do Brasil na Copa do Mundo, se encerrará duas horas antes do jogo.

 

SedeTCEPE

O Tribunal de Contas do Estado e a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) ampliaram até 2022 o convênio de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação,  que consiste em uma parceria técnico-científica para desenvolvimento de pesquisas aplicadas na área de inovação, visando à transformação digital da instituição. 

A partir de agora, além de inovação, que já existia desde o início do ano, com metodologias, ferramentas e a proposta de um modelo de funcionamento para o laboratório de inovação do Tribunal, o TCE ganha pesquisadores de outras áreas.

A área da Ciência de Dados será responsável pela mineração de pareceres a partir do processamento de linguagem natural e acessível ao cidadão, para elaboração de decisões simplificadas, além de mineração de dados de bases das auditorias em Tecnologia da Informação para identificar indícios de irregularidade de forma automática.

A da Segurança da Informação, pela avaliação de normas de segurança, implantação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), e pela definição e melhoria dos processos de gestão de riscos e incidentes.

A quarta área, de Gestão de Pessoas, atuará na melhoria do processo de avaliação de desempenho e elaboração de trilhas de aprendizagem.

Estas células de pesquisa são conduzidas por cinco professores do Departamento de Computação da UFRPE: George Valença (coordenador do convênio e responsável pela célula de inovação), André Câmara e George Gomes (Ciência de Dados), Fernando Aires (Segurança da Informação) e Julian Araújo (Gestão de Pessoas). O departamento possui um corpo de 48 professores doutores, que conduzem pesquisas e ofertam disciplinas nos cursos de Ciência da Computação e Licenciatura em Computação da UFRPE. 

Segundo o diretor de Gestão e Governança do TCE e coordenador do convênio, Edgar Távora, “a parceria com a UFRPE é, na verdade, uma continuidade de uma prática que o Tribunal já vem adotando há bastante tempo, tanto por meios destinados para pós-graduações, como também por áreas mais aplicadas, como por exemplo, nosso escritório de processos, que é um convênio ainda em vigor com a UFPE. Ou seja, o TCE é muito bem alinhado com a crença de que academia e instituições devem em conjunto fomentar a pesquisa aplicada à serviço da sociedade de uma forma efetiva e econômica”, disse ele.

Gerência de Jornalismo (GEJO), 04/12/2020